Conheça o Axé Bahindie.


Aquele ditado que diz que “atrás do trio só não vai quem já morreu” é a prova cabal do quão democrático é o carnaval do Brasil. Há espaço para todo mundo nesses quatro dias de folia. Até para quem é avesso a grandes festas populares, como os indies.

O produtor musical Raphael Bertazzi vem misturando artistas improváveis como Strokes, The Smiths com o mais puro axé music bahiano dos anos 90. A peraltice ganhou o nome de Axé Bahindie e já nos presenteou com músicas geniais como “Repitilícia” e “Esse Nêgo Charmoso”, que você ouve a seguir:

A arte, também um mashup entre a arte original indie e nossa bahianidade, é assinada por Vitor Fiacadori Costa. No canal de Bertazi do SoundCloud (soundcloud.com/bertazi‎) você pode ouvir mais delicias, entre as quais destacamos:

Na Ideal também tem foliagem: